Manifesto Fresh Lab

 

A expressão artística como instrumento de autonomia, reflexão e questionamento (interno e externo). O despertar da busca por respostas e por mais dúvidas através de diversas formas de arte. Subversão como exercício de defesa a todos ataques que nos foram feitos, culturalmente falando.

 

 “Aprendizado mútuo, não só vender produto.”

 

Fresh Lab Atelier trata-se de um selo criativo subversivo que através da arte independente (seja lá qual for sua modalidade) caminha para autonomia.

Sempre passando pela reflexão interna e externa como forma de coletivizar, instigar e despertar essa outra forma de pensar e agir em prol de explanar toda a inquietude que há dentro de cada um de nós. Visando utilizá-la para algo que venha  agregar e somar na vida de cada indivíduo que se enxerga dessa maneira também.

Valorizando o processo e a pesquisa tanto quanto se valoriza o produto final. (Ref frase do título: Eloy Polêmico – Minha Vez)

 

Experiências Expressivas

 

Cada fragmento do experimento importa e pode despertar tamanhas considerações à ponto de nos tocar no consciente e no inconsciente. 

Temos como combustível o estímulo à curiosidade e ao questionamento de tudo que nos rodeia, afinal nada estava aqui em sua origem, então tudo tem ou deveria ter um porquê.

Muito além da busca por este porquê conformado, focamos nossas experiências em uma desconstrução inquieta e que de voz a todos, que traga as sensações de existência completa e autoestima que foi roubada. 

 

Técnica, atitude e pesquisa.

 

Todos fomos crescendo acompanhados de valores que não escolhemos e muitas vezes nem entendemos. Ou melhor, não buscamos entender para poder de fato saber qual a semelhança de nossos pensamentos com aqueles valores engessados. 

Tendo em mente esse cenário, no mundo contemporâneo com a internet facilitando o acesso ao conhecimento, porém d’outro lado, poluindo muito de seu espaço útil com notícias falsas, podemos alcançar informações as quais nos foram privadas durante certo ponto da vida. Pesquisamos e peneiramos o conteúdo pesquisado para não cair em armadilhas de falso conhecimento. E à partir dessa extração do conhecimento verídico, podemos tirar nossas próprias conclusões e questões para clarear certos pensamentos que antes eram engessados em nossos interiores. 

 

Dessa forma, nós mesmos nos possibilitamos a enxergar diversas incompatibilidades do contexto no qual estamos inseridos. Sem esse conhecimento de caráter libertador não seria possível de averiguar a procedência de tudo que nos foi, nos é e nos será passado como verdade absoluta. 

 

Sobre a Campanha

 

Surgiu com a vontade de trazer um manifesto explícito para o projeto, utilizando todo o conteúdo gerado com essa série para concretizar uma era em meus trabalhos. Uma demarcação mais consistente dessa fase na qual venho passando. Nesse momento o Fresh Lab comporta-se principalmente como atelier de roupa, experimental e não convencional. Apesar de sempre testar expressões novas, o principal caráter de arte independente revolucionária esté presente de praxe, imprimindo as intenções de se comunicar com público e seres criativos muito além do produto final, sempre procurando se relacionar com os meios de produção, criando experiências expressivas imersivas e subversivas. De maneira colaborativa vamos nos manifestando, nesse primeiro momento através de roupa artesanal (roupas personalizadas). 

Nessa campanha foram utilizadas diferentes técnicas de customização. Sendo as principais: serigrafia (artesanal não convencional), tie dye com tinta de tecido (shibori), aplicação de patchs bordados com costura em máquina e manual, dentre outras.

 

Técnica, atitude e pesquisa englobam todos os processos que surgem do laboratório. Aqueles que procuram o domínio dos meios de produção para a autonomia e o autoconhecimento irão se identificar.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.